Leitura e Leitores: o que dizem as crianças sobre a leitura feita na escola

Palavras-chave: metodologia narrativa, formação de leitores, formação continuada, leitura pelo professor

Resumo

Este texto apresenta uma pesquisa que pretendeu conhecer as relações entre as práticas de leitura propostas por professoras e o impacto na formação dos alunos enquanto leitores. A investigação realizou-se com um grupo de crianças, na faixa etária de 4 a 10 anos, pertencentes a escolas da rede pública e privada, em diferentes municípios brasileiros. Foi desenvolvida por profissionais da educação que fazem parte do grupo de estudos colaborativo GRUPAD - Grupo de Estudos Alfabetização em Diálogo vinculado ao GEPEC – Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Continuada – da Faculdade de Educação da Unicamp, no ano de 2016. A participação e escuta das crianças aconteceu por meio de rodas de conversas, mediadas por professoras-pesquisadoras, em que no mínimo cinco questões, previamente elaboradas, foram propostas para disparar a conversa e troca entre os alunos. Nesse processo de elaboração da pesquisa e análise das narrativas dialogamos, principalmente com autores como: Bakhtin (2003; 2010); Lebrun (2013); Lerner (2002); Passegi (2014); Petit (2013); Prado (2015). Neste artigo elegemos três perguntas-provocação para apresentar as reflexões tecidas e que já indiciam que a presença de situações de leitura realizadas pelo professor é identificada pelas crianças como parte da rotina escolar, entretanto esse movimento ainda tem sido insuficiente para formar alunos leitores e críticos. Apesar da intencionalidade e planejamento dos professores para este momento da rotina, os percursos de leitores, da maioria dos alunos participantes da pesquisa, estão sendo marcados mais por livros lidos do que experiências de leitura literária significativas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Barroso de Siqueira Frauendorf, Universidade Estadual e Campinas

UNICAMP. Mestrado em Educação – FE/Unicamp. Doutoranda em Educação pela Faculdade de Educação – Unicamp – GEPEC. Brasil. ORCID: 0000-0001-5567-3235. E-mail: re.frau@hotmail.com.

Heloísa Helena Dias Martins Proença, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP. Mestrado em Educação – FE/Unicamp. Doutoranda em Educação pela Faculdade de Educação – Unicamp – GEPEC. Brasil. ORCID: 0000-0001-7222-0529. E-mail: heloisamartinsproenca@gmail.com.

Guilherme do Val Toledo Prado, Universidade Estadual de Campinas

Doutor em Linguística Aplicada. Livre-docente em Educação Escolar. Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da UNICAMP. Coordenador do GEPEC – Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Continuada. ORCID: 0000-0002-2415-8369. E-mail: toledo@unicam.br.

Referências

BAKHTIN, M. Estética da Criação Verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BRAGANÇA, I. F.S. Pesquisa-formação e histórias de vida de professoras brasileiras e portuguesas: reflexões sobre tessituras teórico-metodológicas. Revista @mbienteeducação, São Paulo, v. 2, n. 2, p. 37-48, ago./dez. 2009.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais de 5ª a 8ª séries do Ensino Fundamental – Língua Portuguesa. Brasília, DF: MEC/SEF,1988.

CLANDININ, J.; CONELLY, M. Pesquisa Narrativa e Histórias na pesquisa qualitativa. Uberlândia: Edufu, 2011. Traduzido do original pelo Grupo de Pesquisa Narrativa e Educação de Professores ILEEL/UFU.

ECO, U. Sobre a literatura. Rio de Janeiro: Record, 2003.

FERREIRO, E. Passado e Presente dos verbos ler e escrever. Trad. Claudia Berliner. Sáo Paulo: Cortez, 2002.

KLEIMAN, A. Oficina de leitura Teoria e Prática 15ª edição. Campinas: Pontes, 2013[1992]. Disponível em: https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=sites&srcid=ZGVmYXVsdGRvbWFpbnxtZXN0cmFkb3Byb2ZsZXRyYXN1ZnJwZXxneDo2YzQzMWU0YjUyZTg3NWI4. Acesso em junho de 2017.

KLEIMAN, A. Abordagens da Leitura. SCRIPTA, Belo Horizonte, v.7, n.14, p.13-22, 1o. sem. 2004.

LARROSA, J. Tremores: escritos sobre experiência. Trad. Cristina Antunes , João Wanderley Geraldi. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2014.

LEBRUN, M. A emergência e o choque das subjetividades de leitores do maternal ao ensino médio graças ao espaço interpretativo aberto pelos comitês de leitura. In: Leitura subjetiva e ensino de literatura. Trad. Amaury C. Moraes et al; coord. e rev. Neide L. Rezende; Rita Jover Faleiros. São Paulo: Alameda Editora,2013, pp.134-148.

LERNER, D. Ler e Escrever na Escola: o real, o possível e o necessário. Trad. Ernani Rosa. Porto Alegre: Artmed, 2002.

LOIS, Lena. Teoria e Prática da Formação do Leitor: leitura e literatura na sala de aula. Porto Alegre: Artmed, 2010.

PASSEGI, M.C et al. Narrativas de crianças sobre as escolas da infância: cenários e desafios da pesquisa (auto)biográfica. Revista Educação. Santa Maria, v. 39, n. 1 | p. 85-104, jan./abr., 2014.

PETIT, M. Leituras: do espaço íntimo ao espaço público. Trad.Celina Olga de Souza. São Paulo: Ed.34, 2013.

PRADO, G.V.T.; CUNHA, R.B. (Org.). Percursos de Autoria: Exercícios de Pesquisa. Campinas: Alínea, 2007.

PROUST, M. Sobre a leitura. Campinas: Pontes, 2003. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/67139/mod_resource/content/1/Proust%20-%20Sobre%20a%20leitura.pdf. Acesso em junho de 2017.

RÉ, A. D.; PAULA, L.; MENDONÇA, M. C. (orgs) A Linguagem da Criança: um olhar bakhtiniano. São Paulo: Contexto, 2014.

ROJO, R. H. R. (2004) Letramento e capacidades de leitura para a cidadania. Texto de divulgação cientifica elaborado para o Programa Ensino Médio em Rede, Rede do Saber/SEE-SP e para o Programa Ler e Escrever – Desafio de Todos, CENPEC/SME- SP. SP: SEE-SP e SME-SP. Disponível: http://www.academia.edu/1387699/Letramento_e_capacidades_de_leitura_para_a_cidadania. Acesso em junho 2017.

ROUXEL, A; LANGLADE, G; REZENDE, N (Orgs.) Leitura subjetiva e ensino de literatura. Trad. Amaury C. Moraes et al; coord. e rev. Neide L. Rezende; Rita Jover Faleiros. São Paulo: Almeida, 2013.

VOLÓCHINOV, V. Marxismo e Filosofia da Linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência ada linguagem. São Paulo: Editora 34, 2017.
Publicado
2020-12-01
Métricas
  • Visualizações do Artigo 47
  • PDF downloads: 22
Como Citar
Frauendorf, R. B. de S., Proença, H. H. D. M., & Prado, G. do V. T. (2020). Leitura e Leitores: o que dizem as crianças sobre a leitura feita na escola. Plurais Revista Multidisciplinar, 5(3), 98-121. https://doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2020.v5.n3.10192
Seção
Dossiê Temático