Diga ao povo que avance: - “Vançaremos”!!

Resumo

Apresentação de Dossiê (2020.2)

Educação Escolar Indígena no Século XXI: Desafios, especificidades e perspectivas

Org.

Prof. Dr. Edson Kayapó (IFBA)

Profa. Dra. Naine Terena (FACC/MT)

Prof. Dr. Francisco Cancela (UNEB)

O Dossiê “Educação Escolar Indígena no Século XXI: desafios, especificidades e perspectivas” teve por objetivo reunir artigos que expusessem diferentes contextos e perspectivas da educação escolar indígena no Brasil. Logo, congrega trabalhos que problematizam políticas educacionais dos/para os povos indígenas, a atuação profissional e a formação das/os professoras/es indígenas, a escola diferenciada e a produção de material didático-pedagógico específico. Lega ao leitor, estudos que perpassam diversas áreas do conhecimento, estudos interdisciplinares e interculturais que evidenciam a constituição das escolas e suas contribuições na formação e no fortalecimento de identidade indígena. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edson Kayapó, Instituto Federal da Bahia (IFBA)

Trata-se de Edson Machado de Brito, Doutor pelo programa pós-graduado em Educação: História, Política, Sociedade, na PUC-SP, com pesquisa financiada pelo CNPq e CAPES (2012). Atualmente é professor efetivo do Instituto Federal da Bahia (IFBA), atuando na docência em licenciaturas, cursos técnicos e Pós-graduação lato sensu, além de orientar TCCs e monografias. Exerce funções de docente e orientador de pesquisas de mestrado no Programa de Pós-graduação em Ensino e Relações Étnico-Raciais (PPGER) na Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). É escritor premiado pela UNESCO e pela Fundação Nacional do Livro Infantil e juvenil.  

Naine Terena, Faculdade Católica de Mato Grosso (FACC/MT)

É doutora em educação pela PUC-SP, possui mestrado em Artes pela UnB, é graduada em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso. Realizou estágio pós-doutoral desenvolvendo pesquisa no Lêtece - UFMT e no Programa de Pos-graduação em educação da Unemat Campus Cáceres. Docente na faculdade Católica de Mato Grosso. Atua na Oráculo comunicação, educação e cultura, onde atua com pesquisas, docência em cursos livres, comunicação e execução de projetos. É docente nas áreas de Comunicação Social e Educação indígena, tem experiência na elaboração e execução de projetos culturais e realiza projetos e pesquisas na área de audiovisual e artes, povos indígenas e mídia, educação, rádio (com as vertentes de assessoria de imprensa e comunitária), vídeo, teatro, materiais didáticos e economia criativa.

Francisco Cancela, Universidade do Estado da Bahia (UNEB)

Doutor em História Social do Brasil pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal da Bahia e Professor Titular do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias da Universidade do Estado da Bahia (Campus XVIII - Eunápolis). Atua na área curricular de História do Brasil e também na Licenciatura Intercultural em Educação Escolar Indígena (LICEEI). É pesquisador da História Indígena e da História da América Portuguesa, desenvolvendo estudos sobre a trajetória dos povos indígenas na antiga Capitania de Porto Seguro e coordenando o Grupo de Estudos sobre a América Portuguesa (GEAP/DCHT-UNEB). É membro efetivo do Programa de Pós-Graduação em Estado e Sociedade, da Universidade Federal do Sul da Bahia, e também do Programa de Pós-Graduação em Estudos Africanos, dos Povos Indígenas e das Culturas Negras, da Universidade do Estado da Bahia.

Publicado
2020-12-16
Métricas
  • Visualizações do Artigo 151
  • PDF downloads: 130
Como Citar
Kayapó, E., Terena, N., & Cancela, F. (2020). Diga ao povo que avance: - “Vançaremos”!!. Abatirá - Revista De Ciências Humanas E Linguagens, 1(2), 50 - 52. Recuperado de https://www.revistas.uneb.br/index.php/abatira/article/view/10324