FORMAÇÃO DE ATLETAS NOS CLUBES DE FUTEBOL

Palavras-chave: Futebol, Adolescentes, Clubes Esportivos, Educação e Treinamento

Resumo

Trata-se de um artigo de revisão integrativa da literatura, do tipo descritivo e abordagem qualitativa no qual se buscou analisar as exigências legais para a atuação dos clubes de futebol na formação de atletas. Foi realizado levantamento bibliográfico de artigos disponíveis na íntegra, em português, nas bases de dados SCIELO e LILACS, utilizando como palavras-chave futebol, “formação de atletas” e “gestão de clubes”, aplicando o recorte temporal de 2014 a 2018. Ao término do processo de seleção, restaram sete artigos que atenderam aos critérios estabelecidos. Após a leitura dos estudos e a análise descritiva dos dados foram criadas as seguintes categorias, a partir dos temas mais recorrentes encontrados: baixa escolaridade na modalidade de futebol; clube formador de atletas; gestão do clube formador e repercussão na carreira dos atletas de futebol. Verificou-se que, apesar dos deveres legais estabelecidos aos centros de formação de futebol no que tange à formação de atletas, muitos destes ainda atuam sem supervisão e/ou política pedagógica apropriadas. Há, portanto, a necessidade de compreender o jovem atleta como sujeito em formação humana e esportiva, atentando-se, de fato, aos requisitos exigidos pela legislação brasileira acerca da sua formação, a fim de que se ampliem as possibilidades de obtenção de sucesso na carreira profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

John Willian Ribeiro de Araújo, Centro Universitário Nobre - Brasil

Bacharel em Educação Física

Leandro Alexandre Chagas, Centro Universitário Nobre - Brasil

Bacharel em Educação Física

Luís Cláudio Nascimento Santana, Centro Universitário Nobre - Brasil

Bacharel em Educação Física

Marcelle Esteves Reis Ferreira, Docente do Centro Universitário Nobre - Brasil

Mestra em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual de Feira de Santana

Gustavo Marques Porto Cardoso, Docente do Centro Universitário Nobre - Brasil

Mestre em Estudo Interdisciplinares sobre a Universidade pela Universidade Federal da Bahia. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Física e Saúde.

Referências

AZEVEDO, P. H. S. M. et al. Análise descritiva das variáveis ventilatórias de jogadores juvenis de futebol. Perspectivas Online, v.3, n.10, 2009.
BRASIL. Lei nº 12.395 de 16 de março de 2011. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Poder Executivo, Brasília, DF, 2011. Seção 1, p. 1.
CAREGNATO, A. F. et al. Abordagem sociológica no esporte: um caso na iniciação ao futsal/ futebol de um clube brasileiro. Educación Física y Deporte, v. 35, n. 1, p. 177-212, 2016.
FERREIRA, R. B. O certificado de clube formador como colaborador da formação humana e desportiva de atletas de futebol. Número Especial – Pesquisas e Políticas sobre Esporte, Brasília, 2018, ISSN 2175.0688. Disponível em: http://e-legis.camara.leg.br/cefor/index.php/e-legis/article/viewFile/492/486. Acesso em: 11 Out. 2019.
MARQUES, D. S. P; COSTA, A. L. Administração de clubes de futebol profissional: proposta de um modelo específico de governança para o setor. Revista O&S - Salvador, v. 23, n. 78, p. 378-405, 2016
MELO, L. B. S. et al. Jornada escolar versus tempo de treinamento: a profissionalização no futebol e a formação na escola básica. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 38, n. 4, p. 400-406, 2015.
MELO, L. B. S; SOARES, A. J. G; ROCHA, H. P. A. Perfil educacional de atletas em formação no futebol no Estado do Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 28, n. 4, p. 617-628, 2014.
MELO FILHO, A. Nova Lei Pelé: Avanços e impactos. Rio de Janeiro: Maquinária, 2011.
MORAES, I. F. Formação de jogadores de futebol no Brasil: Da implementação às perspectivas futuras do Certificado de Clube Formador. Dissertação de Mestrado em Gestão Desportiva, apresentada a Faculdade de Desporto da Universidade do Porto. Porto, 2015.
MORATO, M. P; GIGLIO, S. S; GOMES, M. S. P. G. A construção do ídolo no fenômeno futebol. Revista Motriz, Rio Claro, v.17, n.1, p.01-10, 2011.
MOSKO, J. C; MOSKO, J. F. Cultura de massa, espetáculo e o jogador de futebol. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História –ANPUH, São Paulo, julho 2011
RIGO, L. C. SILVA, D. V. RIAL, C. S. M. Formação de jogadores em clubes de uma cidade do interior: circulação, escolarização e inserção no futebol profissional. Movimento, Porto Alegre, v. 24, n. 1, p. 263-274, 2018.
ROCHA, H. P. A. et al. Jovens Esportistas: profissionalização no futebol e a formação na escola. Revista Motriz, Rio Claro, v.17, n.2, p. 252-263, 2011.
SALOMÃO, R. L; OTTONI, G. P; BARREIRA, C. R. A. Atletas de base de futebol: a experiência de viver em alojamento. Psico-USF, Itatiba, v. 19, n. 3, p. 443-455, 2014.
SILVA, S. B. O futebol no Brasil - 1888 a 1910. 2016. Disponível em: https://www.campeoesdofutebol.com.br/historia_futebol_brasileiro.html. Acesso em: 19 Out. 2019.
SILVA, W. R. et al. Satisfação com a vida e status social subjetivo em atletas de futsal e futebol de campo. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 40, n. 4, p. 374-380, 2018.
SOARES, A. J. G. et al. Jogadores de futebol no Brasil: mercado, formação de atletas e escola. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 33, n. 4, p. 905-921, 2011.
SZEREMETA, T. P. et al. A formação de jovens futebolistas além das quatro linhas: uma análise sob a ótica dos técnicos de Brasil e Portugal. Pensar a Prática, Goiânia, v. 20, n. 1, 2017.
Publicado
2021-06-17
Métricas
  • Visualizações do Artigo 417
  • ♪Áudio♪ downloads: 10
Como Citar
Araújo, J. W. R. de, Chagas, L. A., Santana, L. C. N., Ferreira, M. E. R., & Cardoso, G. M. P. (2021). FORMAÇÃO DE ATLETAS NOS CLUBES DE FUTEBOL . Cenas Educacionais, 4, e10715. Recuperado de https://www.revistas.uneb.br/index.php/cenaseducacionais/article/view/10715
Seção
Dossiê Temático