A PANDEMIA DA COVID-19 COMO POTENCIALIZADORA DO ESTRESSE NO PROCESSO DE TRABALHO EM SAÚDE NO SISTEMA PRISIONAL

Palavras-chave: Estresse, Processo de trabalho, Penitenciárias, COVID-19

Resumo

Introdução: o trabalho das equipes de saúde prisional encontra-se entre os mais deteriorantes, tornando os seus trabalhadores vulneráveis ao estresse. Devido à pandemia da COVID-19, o estresse no processo de trabalho destas equipes potencializou-se. Objetivo: demonstrar como a pandemia da COVID-19 potencializa o estresse no processo de trabalho na ótica da equipe de saúde de uma penitenciária do estado da Bahia. Métodos: estudo qualitativo, descritivo e exploratório realizado com 14 trabalhadores de uma equipe de saúde prisional do estado da Bahia. Utilizou-se a entrevista semiestruturada, cujos dados foram submetidos à análise de conteúdo. O estudo foi aprovado pelo Parecer nº. 4.032.879/2020. Resultados e discussão: o estudo sinaliza a pandemia da COVID-19 como desestabilizadora do processo de trabalho da equipe de saúde prisional por ocasionar sofrimento psíquico frente às más condições de trabalho, falta de treinamento e de equipamento de proteção individual adequados, tornando os seus trabalhadores vulneráveis pelo contato direto com uma população de alto risco. Conclusão: a pandemia da COVID-19 apresenta um cenário marcado por contradições em que as unidades prisionais são consideradas epicentros para doenças infecciosas, o que gera estresse no desenvolvimento do processo de trabalho da equipe de saúde prisional em ambiente de trabalho inseguro e de alta periculosidade, ocasionando impactos na saúde e na satisfação geral dos trabalhadores. Recomenda-se implementar estratégias de enfrentamento ao estresse no contexto da pandemia da COVID-19, para promover qualidade de vida e mitigar o impacto psicossocial nos trabalhadores da equipe de saúde prisional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alana Mercês de Almeida, Graduanda em Medicina pela Universidade Estadual de Feira de Santana - Brasil

Integrante do Núcleo de Pesquisa Integrada em Saúde Coletiva 

Maria Lúcia Silva Servo, Docente no Programa de Pós Graduação em Saúde Coletiva e no Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Feira de Santana - Brasil

Doutora em Enfermagem pela Universidade de São Paulo. 

Andreia Beatriz Silva dos Santos, Professora na Universidade Estadual de Feira de Santana - Brasil

Mestra em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual de Feira de Santana. Médica na Secretaria de Saúde do Estado da Bahia. Integrante do Núcleo de Estudos Interdisciplinar em Desigualdades em Saúde.

Thiago da Silva Santana, Docente na Universidade Estadual de Feira de Santana - Brasil

Mestre em Enfermagem pela Universidade Estadual de Feira de Santana. Integrante do Núcleo de Pesquisa Integrado em Saúde Coletiva.

Referências

Dejours C, Dessors D, Desriaux F. Por um trabalho, fator de equilíbrio. Rev. de adm. de emp., [Internet]. 1993 [cited 2020 Abr 06];33(3):98-104. Available from: https://www.scielo.br/pdf/rae/v33n3/a09v33n3.pdf

Barbosa ML, Menezes TN, Santos SR, Olinda RA, Costa GMC. Qualidade de vida no trabalho dos profissionais de saúde no sistema prisional. Ciên. & Saúde Coletiva, [Internet]. 2018. [cited 2019 Ago 08];23(4):1293-1302 Available from: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S141381232018000401293&lng=en&nrm=iso&tlng=pt doi: https://doi.org/10.1590/1413-81232018234.09292016

Servo MLS. Estresse no processo de trabalho de supervisão em enfermagem em Feira de Santana – BA. Universidade Estadual de Feira de Santana. Feira de Santana-BA, 2012.

Audi C, Aparecida F, Santiago SM, Andrade MGG, Francisco PMSB. Fatores de risco para doenças cardiovasculares em servidores de instituição prisional: estudo transversal. Epidemiol. Serv. Saúde, [Internet]. 2016. [cited 2019 Set 27];25(2):301 310, Available from: https://www.scielo.br/pdf/ress/v25n2/2237-9622-ress-25-02 00301.pdf doi: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742016000200009

Matos MA. New Coronavirus (SARS-CoV-2): advances to flatten the curve the prison population. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., [Internet] 2020. [cited 2020 Jul 25];53(e20):200-219 doi: https://doi.org/10.1590/0037-8682-0219-2020 Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7269526/

Soares MM Filho, Bueno PMMG. Demografia, vulnerabilidades e direito à saúde da população prisional brasileira. Ciênc. saú. col., [Internet]. 2016. [cited 2020 Jun 04];21(7):1999-2010 doi: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232015217.24102015 Available from: https://www.scielosp.org/pdf/csc/2016.v21n7/1999-2010/pt

Sánchez FC, Tudela JC, Seller EP. Burnout syndrome and work satisfaction in professionals of social work in prisons of Spain. Rev. esp. sanid. penit., Barcelona, [Internet]. 2018. [cited 2020 Mai 17];20(2):40-46 Available from: http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S157506202018000200040&lng=pt&nrm=iso

Almeida AM. Estresse no processo de trabalho na ótica de trabalhadores da saúde de uma penitenciária do estado da Bahia. [undergraduate thesis]. Feira de Santana: Bacharelado em Medicina, Universidade Estadual de Feira de Santana; 2020. 84 p.

Fernandes PCM, Ribeiro LML. Sentidos do trabalho prisional: uma revisão da literatura. Textos & Contextos, [Internet]. 2018. [cited 2019 Nov 18];17(2):346-362 doi: https://doi.org/10.15448/1677-9509.2018.2.29043 Available from: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fass/article/view/29043/17736

Souza VD, Christinelli HCB, Costa MAR, Teston EF, Spigolon DN, Benedetti GMS et al. Fatores associados ao estresse ocupacional entre trabalhadores de uma instituição ensino de superior. Rev. Uningá, Maringá, [Internet]. 2019. [cited 2020 Out 24];56(2):134-142 Available from: http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/1752/1973

Andrade RO. Covid-19: Prisons exposed in Brazil’s crisis. BMJ, [Internet]. 2020 [cited 2020 Jul 25];370:m2884. Available from: https://www.bmj.com/content/370/bmj.m2884.long doi: https://doi.org/10.1136/bmj.m2884

Oladeru OT, Tran NT, Al-Rousan T, Williams B, Zaller N. A call to protect patients, correctional staff and healthcare professionals in jails and prisons during the COVID-19 pandemic. Health Justice, [Internet]. 2020. [cited 2020 Jul 07];8(1):17 doi: http://dx.doi.org/10.1186/s40352-020-00119-1 Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7331488/

Testoni I, Francioli G, Biancalani G, Libianchi S, Orkibi H. Hardships in Italian Prisons During the COVID-19 Emergency: The Experience of Healthcare Personnel. Front. Psychol., [Internet]. 2021. [cited 2021 Mai 01];12 doi: https://doi.org/10.3389/fpsyg.2021.619687 Available from: https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fpsyg.2021.619687/full

Montoya-Barthelemy AG, Lee CD, Cundiff DR, Smith EB. COVID-19 and the Correctional Environment: The American Prison as a Focal Point for Public Health. Am. J. Prev. Med., [Internet]. 2020. [cited 2020 Jul 25];58(6):888–891 doi: https://doi.org/10.1016/j.amepre.2020.04.001 Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7164863/

Silva RM Neto, Benjamim CJS, Carvalho PMM,Carvalho PMM, Rolim ML Neto. Psychological effects caused by the COVID-19 pandemic in health professionals: A systematic review with meta-analysis. Prog Neuropsychopharmacol Biol Psychiatry. [Internet]. 2021. [cited 2021 Mar 05];104:110062 doi: 10.1016/j.pnpbp.2020.110062 Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7409979/

Lai J, Ma S, Wang Y, Cai Z, Hu J, Wei N et al. Factors Associated With Mental Health Outcomes Among Health Care Workers Exposed to Coronavirus Disease, JAMA Netw. Open, [Internet]. 2020. [cited 2020 Mai 28];3(3) doi: https://doi.org/10.1001/jamanetworkopen.2020.3976 Available from: https://jamanetwork.com/journals/jamanetworkopen/fullarticle/2763229

Kothari RAF, Forrester A, Greenberg N, Sarkissian N, Tracy DK. COVID-19 and prisons: Providing mental health care for people in prison, minimising moral injury and psychological distress in mental health staff. Med. Sci. Law, [Internet] 2020. [cited 2020 Out 01];60(3):165-168 doi: https://doi.org/10.1177/0025802420929799 Available from: https://journals.sagepub.com/doi/10.1177/0025802420929799#articleCitationDownloadContainer

Conselho Nacional de Saúde. Carta circular nº 7/2020. Autorização, em caráter excepcional, para a realização de reuniões por meio de videoconferência ou aplicativo web de videochamada. Diário Oficial da República Federativa do Brasil [Internet]. 2020 Mar [cited 2020 Mai 22] Available from: https://conselho.saude.gov.br/images/comissoes/conep/documentos/CARTAS/Carta_Circular_7_2020.pdf

Minayo, MCS. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 2. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2011. 105p.

Bardin L. Análise de conteúdo. 1. ed. São Paulo: Almedina; 2011. 280p.

Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466/2012. Aprova diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa envolvendo seres humanos. Diário Oficial da República Federativa do Brasil. 2012.

Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 510, de 7 de abril de 2016. Dispõe sobre as normas aplicáveis a pesquisas em Ciências Humanas e Sociais cujos procedimentos metodológicos envolvam a utilização de dados diretamente obtidos com os participantes ou de informações identificáveis ou que possam acarretar riscos maiores do que os existentes na vida cotidiana. Diário Oficial da República Federativa do Brasil. 2016.

Conselho Nacional de Saúde. Resolução n° 580/2018. Estabelece normativas relativas às especificidades éticas das pesquisas de interesse estratégico para o Sistema Único de Saúde. Diário Oficial da República Federativa do Brasil. 2018

Santana TS. Estresse no processo de trabalho de supervisão do enfermeiro na Unidade de Emergência Hospitalar [master’s thesis]. Feira de Santana: Mestrado Profissional em Enfermagem, Universidade Estadual de Feira de Santana; 2015.

Cloud DH, Ahalt C, Augustine D, Sears D, Williams B. Medical Isolation and Solitary Confinement: Balancing Health and Humanity in US Jails and Prisons During COVID-19. J Gen Intern Med. [Internet]. 2020. [cited 2021 Mai 08];35(9):2738–2742 doi: 10.1007/s11606-020-05968-y. Available from: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32632787/

Deng S, Peng H. Characteristics of and Public Health Responses to the Coronavirus Disease 2019 Outbreak in China. J. Clin. Med., [Internet]. 2020. [cited 2020 Jun 28];9(2) doi: https://doi.org/10.3390/jcm9020575 Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7074453/pdf/jcm-09-00575.pdf

Wu PE, Styra R, Gold WL. Mitigating the psychological effects of COVID-19 on health care workers. Can. Med. Ass. Journal, [Internet]. 2020. [cited 2020 Mai 28];192(17):E459-E460 doi: https://doi.org/10.1503/cmaj.200519 Available from: https://www.cmaj.ca/content/192/17/E459

Publicado
2021-11-30
Métricas
  • Visualizações do Artigo 212
  • PDF downloads: 86
Como Citar
Almeida, A. M. de, Servo, M. L. S., Santos, A. B. S. dos, & Santana, T. da S. (2021). A PANDEMIA DA COVID-19 COMO POTENCIALIZADORA DO ESTRESSE NO PROCESSO DE TRABALHO EM SAÚDE NO SISTEMA PRISIONAL. Práticas E Cuidado: Revista De Saúde Coletiva, 2, e11902. Recuperado de https://www.revistas.uneb.br/index.php/saudecoletiva/article/view/11902
Seção
Dossiê Temático COVID-19: POLÍTICAS, PRÁTICAS E REPERCUSSÕES EM SAÚDE