Experiências de formação e narrativas educacionais de professores brasileiros em viagem aos Estados Unidos (1929-1935)

Silmara Fatima Cardoso

Resumo


Este estudo tem por pretensão analisar a história e os fatores que levaram Anísio Teixeira, enquanto Diretor Geral da Instrução Pública, no antigo Distrito Federal, e a Associação Brasileira de Educação – ABE a investir em viagens de professores brasileiros aos Estados Unidos. O objetivo de Anísio Teixeira e da ABE concorriam para que esses professores imbuídos de uma formação pedagógica eficiente, adquirida no país considerado à época como referência, pudessem ser os principais atores na renovação e regeneração do ensino e da sociedade brasileira.

Palavras-chave: Viagem pedagógica. Professores brasileiros. Experiências de formação. Narrativas educacionais.

 


Palavras-chave


Viagem pedagógica, narrativas educacionais, experiências de formação, professores brasileiros

Texto completo:

PDF

Referências


CARUSO, Andrea. Traço de união como vitrine: educação feminina, ideário católico e práticas escolanovistas no periódico do Colégio Jacobina. 2006. 200 231 f. Dissertação (Mestrado em Educação) Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

CARVALHO, Marta Maria Chagas. “A caixa de utensílios”: o tratado e a biblioteca: pedagogia e práticas de leitura de professores. In: VIDAL, Diana Gonçalves; HISLDORF, Maria Lucia. (Orgs.). Brasil 500 anos: tópicas em história da educação. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2001. p. 137-168.

CARVALHO, Marta Maria Chagas. Por uma história cultural dos saberes pedagógicos. In: SOUZA, Cyntia Pereira de.; CATANI, Denice. (Orgs.). Práticas educativas, culturas escolares e profissão docente. São Paulo: Escrituras, 1998a. p. 31-41.

CHAMON, Carla Simone. Maria Guilhermina Loureiro de Andrade: a trajetória profissional de uma educadora. 2005. 338 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2005.

CHAMON, Carla Simone; FARIA FILHO, Luciano. A educação como problema, a América como destino: a experiência de Maria Guilhermina. In: MIGNOT, Ana Chrystina Venâncio; GONDRA, José. (Orgs). Viagens pedagógicas. São Paulo: Cortez, 2007. p. 39-64.

FERNANDES, Ana Lúcia Cunha. Estabelecer a unidade moral e intelectual do professorado: a construção da profissão docente em revistas pedagógicas do Brasil e de Portugal no final do século XIX. Sísifo/Revista de Ciências da Educação, n. 11, p. 105-114, jan./abr. 2010.

MIGNOT, Ana Chrystina Venancio; SILVA, Alexandra Lima da. Tão longe, tão perto: escrita de si em relatórios de viagens. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 27, n. 1, p. 435-458, abr. 2011.

MIGNOT, Ana Chrystina Venancio; GONDRA, José Gonçalves. Viagens de educadores e circulação de modelos pedagógicos. In: MIGNOT, Ana Chrystina Venâncio; GONDRA, José. (Orgs.). Viagens pedagógicas. São Paulo: Cortez, 2007. p. 7-14.

MORAES, Dislane Zerbinatti. Professores-escritores e suas práticas simbólicas de escrita ficcional: o estudo do jogo discursivo efetuado entre os campos educacional, intelectual e literário. In: LEITE, Juçara; ALVES, Claudia. (Orgs.). Intelectuais e história da educação no Brasil: poder, cultura e políticas. Vitória: EDUFES, 2011. p. 245-271.

MORAES, Dislane Zerbinatti. Ficções, memórias e culturas da escola: a escrita de “si”, dos “outros” e da história da profissão docente. In: PASSEGI, Maria da Conceição; BARBOSA, Tatyana Mabel Nobre. (Orgs.). Narrativas de formação e saberes biográficos. Natal: EDUFRN; São Paulo: Paulus, 2008. p. 213- 229.

NAGLE, Jorge. Educação e sociedade na Primeira República. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

NÓVOA, António. A imprensa de educação e ensino: concepção e organização do repertório português. In: CATANI, Denice Barbara; BASTOS, Maria Helena Câmara. (Orgs.). Educação em revista: a imprensa periódica e a história da educação. São Paulo: Escrituras, 2002. p. 11-31.

PIMENTA, Jussara Santos. As duas margens do Atlântico: um projeto de integração entre dois povos na viagem de Cecília Meireles (1934). 2008. 347 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

POLLAK Michael. Memória, esquecimento, silêncio. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 2, n. 3, p. 3-15, 1989.

SCHUELER, Alessandra Frota M. de. A longa peregrinação de um professor da roça na Europa. In: MIGNOT, Ana Chrystina Venâncio; GONDRA, José Gonçalves. (Orgs.). Viagens pedagógicas. São Paulo: Cortez, 2007. p. 39-64.

VIEIRA, Cesar Romero Amaral. Protestantismo e educação: a presença liberal norte-americana na reforma Caetano de Campos – 1890. 2006. 360 f. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, 2006.

YGAYARA-SOUZA, Suzana Cecília Almeida. Entre palcos e páginas: a produção escrita por mulheres sobre música na história da educação musical no Brasil (1907-1958). 2011. 200 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.31892/rbpab2525-426X.2017.v2.n5.p359-377

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexadores: 

 

 

Portal SEER

Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica - RBPAB - Qualis B2 Educação

 A Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica é publicada sob a licença Creative Commons de  Atribuição-NãoComercial CC BY-NC