Cognição e Percepção nos Alternate Reality Games

  • Thaiane Moreira Oliveira
Palavras-chave: Alternate reality game. Configurações cognitivas. Hiperestímulos midiáticos.

Resumo

A proposta deste trabalho é propor uma revisão teórica sobre Alternate Reality Game a partir da concepção neurológica da modernidade, tendo como foco abordar a questão da vivência deste gênero de jogo como característica da geração da contemporaneidade, cujo consumo da experiência prevalece explorado pela publicidade. Este trabalho parte da hipótese de que a experiência de se jogar um ARG, através de seus elementos imerso-pervasivos, propicia ao sistema neural dos indivíduos uma sobrecarga, devido aos hiperestímulos midiáticos narrativos e lúdicos presentes neste gênero de game. Dessa maneira, os jogadores buscam o ludus como objeto de imersão para os seus corpos hiperestimulados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thaiane Moreira Oliveira

Bolsista Capes e Mestranda do Programa de Pós-graduação em
Comunicação pela Universidade Federal Fluminense (UFF/RJ).

Publicado
2018-08-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 226
  • PDF downloads: 242
Como Citar
Oliveira, T. M. (2018). Cognição e Percepção nos Alternate Reality Games. Plurais Revista Multidisciplinar, 1(2). https://doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2010.v1.n2.%p
Seção
Dossiê Temático