Educação e Alfabetização: contribuições da abordagem psicogenética para a pesquisa

Palavras-chave: Educação, Alfabetização de Crianças, Jovens e Adultos, Abordagem Psicogenética

Resumo

Esse Dossiê se inscreve em um conjunto de ações articuladas entre diversas Universidades da América Latina, em prol do fortalecimento da discussão sobre a alfabetização entendida como o ingresso nas culturas do escrito. Os trabalhos aqui apresentados tomam como referência as contribuições das investigações psicolinguísticas no âmbito da abordagem psicogenética propostas inicialmente por Emilia Ferreiro, responsável por inaugurar um novo campo teórico a partir de uma perspectiva de investigação original, tanto pela sua proposta metodológica como pelos resultados que dela surgiram.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Giovana Cristina Zen, Universidade Federal da Bahia

Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora da Faculdade de Educação. Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Didática e Ludicidade (GEPEL) e do Grupo de Pesquisa Formação em Exercício de Professores (FEP). Programa de Pós-Graduação em Educação da FACED/UFBA. E-mail: giovanacristinazen@gmail.com. ORCID: 0000-0001-6405-9843.

María Claudia Molinari, Universidad Nacional de La Plata

Universidad Nacional de La Plata (Argentina). Profesora en Ciencias de la Educación, Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación, Universidad Nacional de La Plata, República Argentina. Magíster en Ciencias con Especialidad en Investigaciones Educativas. DIE-CINVESTAV - México. E-mail: cmolinari@fahce.unlp.edu.ar ORCID: 0000-0002-5129-8500.

Referências

BORZONE, A. M.; SIGNORINI, A. Del habla a la escritura. La conciencia linguística como una forma de transición natural. Lectura Y Vida, 9/2, p. 5–9, 1988.

FERREIRO, E. O ingresso na escrita e nas culturas do escrito. São Paulo, Cortez. 2013.

FERREIRO, E. [et al.] Reflexiones metalingüísticas de los niños sobre aspectos de la escritura del español. Rosario: Humanidades y Artes Ediciones - HyA ediciones, 2019a.

FERREIRO, E. Research perspectives in beginning literacy. Methodological and epistemic dichotomies / Prospectivas en investigación sobre alfabetización inicial. Dicotomías metodológicas y epistemológicas, Infancia y Aprendizaje / Journal for the Study of Education and Development, v. 42, n. 1, p. 01–36, 2019b.

FERREIRO, E; TEBEROSKY, A. Los sistemas de escritura en el desarrollo del niño. México: Siglo XXI, 1979.

LERNER, Delia. Ler e Escrever na escola: o real, o possível e o necessário. P. Alegre: ARTMED, 2002.

ZAMUDIO, C. Objetivación del lenguaje y conocimiento metalingüístico: transformaciones que posibilita la escritura. Lingüística Mexicana. Nueva Época, v. 2, n. 2, p. 99-131, 16 jun. 2020.

Publicado
2020-11-25
Métricas
  • Visualizações do Artigo 85
  • PDF downloads: 52
Como Citar
Cristina Zen, G., & Claudia Molinari, M. (2020). Educação e Alfabetização: contribuições da abordagem psicogenética para a pesquisa. Plurais Revista Multidisciplinar, 5(3), 9-17. https://doi.org/10.29378/plurais.2447-9373.2020.v5.n3.10150
Seção
Dossiê Temático