DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO (DVA): UMA ANÁLISE DA GERAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE RIQUEZAS DAS EMPRESAS LISTADAS NO ÍNDICE DE SUSTENTABILIDADE EMPRESARIAL (ISE)-B3

Palavras-chave: Demonstração do Valor Adicionado, Índice de Sustentabilidade Empresarial, Indicadores

Resumo

Esse trabalho teve como objetivo analisar as DVA publicadas pelas companhias de capital aberto componentes da carteira 2018 do índice ISE-B3. Foram usados indicadores de geração e distribuição de riqueza como variáveis na análise da pesquisa. A análise contemplou a amostra de 30 companhias abertas listadas na carteira de 2018 do ISE e 30 companhias não- ISE listadas na B3 no período de 2014 a 2018. Para analisar a variação dos indicadores utilizou-se o teste estatístico paramétrico t de Student para amostras independentes e o teste Mann-Whitney para amostras não paramétricas. Os resultados obtidos a partir dos testes estatísticos t de Student e Mann-Whitney, em um intervalo de 95% de confiança, com significância de 0,05, verificou que as empresas do Grupo ISE e Não ISE apresentam evidências estatísticas similares, ou seja, não apresentaram variação significativa em relação ao período analisado pois o p-value foi superior a 0,05 em todos os casos. Conclui-se assim que o fato das empresas, pertencerem ou não ao Índice de Sustentabilidade Empresarial, não afetou significativamente a DVA dessas empresas, considerando os indicadores utilizados na pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thaís Santos de Sousa, Universidade Estadual de Feira de Santana
Bacharel em Ciências Contábeis
Juliano Almeida de Faria, Universidade Federal de Sergipe
Doutor em Engenharia Industrial pela UFBA (Qualis Capes 5). Mestre em Contabilidade pela UFBA (Qualis Capes 3). Especialista em contabilidade gerencial com ênfase em controladoria. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Estadual de Feira de Santana-Ba. Professor Assistente do curso de Ciências Contábeis na Universidade Federal de Sergipe, Campos Itabaiana. Possui experiência em ensino à distância (Graduação) e em cursos de especialização (presencial) lato sensu em Controladoria da Universidade Estadual de Feira de Santana, Universidade do Estado da Bahia e no MBA em Controladoria e Finanças da Faculdade Maria Milza. Atua como avaliador ad hoc de revistas nacionais e internacionais e eventos científicos além do desenvolvimento de pesquisas na área de controladoria e evidenciação ambiental, contabilidade gerencial, auditoria e pesquisa na educação contábil. Auditor Independente com CNAI 5262/17. Foi membro do Comitê de Ética em Pesquisa-CONEP/UEFS 2012-2014.

Referências

BARROS, Claudio Marcelo Edwards; ISIDORO, Claudinei; CATAPAN, Anderson; SCHERER, Luciano Marcio. Relevância do valor adicionado: um estudo empírico em sociedades anônimas abertas brasileiras. XXXII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Bento Gonçalves, RS, Brasil, p. 1-15, 15 out. 2012. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2012_TN_STP_159_929_19761.pdf. Acesso em: 16 set. 2019.

BEUREN, I. M. Como elaborar trabalhos monográficos em contabilidade: teoria e pratica. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

BRASIL, Mariana Moura. A informação da carga tributária das empresas listadas na BM&FBOVESPA a partir da DVA. 2017. Trabalho de conclusão de curso (Grau de bacharel em Ciências Contábeis) - Unijuí, Ijuí, 2017. Disponível em:http://bibliodigital.unijui.edu.br:8080/xmlui/bitstream/handle/123456789/4808/Mariana%20Moura%20Brasil.pdf?sequence=1. Acesso em: 22 mar. 2019.

CPC – Comitê de Pronunciamentos Contábeis. Pronunciamento Técnico CPC 09: Demonstração do Valor Adicionado. Brasília, DF, 30 out. 2008. Disponível em: http://www.cpc.org.br/CPC/DocumentosEmitidos/Pronunciamentos/Pronunciamento?Id=40. Acesso em: 12 jan. 2019.

CPC – Comitê de Pronunciamentos Contábeis. Pronunciamento Técnico CPC 00: Estrutura Conceitual para Elaboração e Divulgação de Relatório Contábil-Financeiro. Brasília, DF, 02 dez . 2011. Disponível em: http://www.cpc.org.br/CPC/Documentos-Emitidos/Pronunciamentos/Pronunciamento?Id=80

CUNHA, Jacqueline Veneroso Alves da. Demonstração contábil do valor adicionado – DVA – um instrumento de mensuração da distribuição da riqueza das empresas para os funcionários. 2002. Dissertação (Mestrado em Controladoria e Contabilidade) – Faculdade de Economia e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo.

DE LUCA, Márcia Martins Mendes. Demonstração do valor adicionado: do cálculo da riqueza criada pela empresa ao valor do PIB. São Paulo: Atlas, 1998.

GERHARDT, Tatiana Engel; SILVEIRA, Denise Tolfo. Métodos de Pesquisa. Rio Grande do Sul: Editora da UFRGS, 2009. Disponível em: http://www.ufrgs.br/cursopgdr/downloadsSerie/derad005.pdf. Acesso em: 11 jan. 2019.

GIDDENS, Anthony. Sociologia.Tradução: Sandra Regina Netz. 6 ed. Porto Alegre: Artmed, 2012.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial. Disponível em: <http://www.bmfbovespa.com.br/pt_br/produtos/indices/indices-de-sustentabilidade/indice-de-sustentabilidade-empresarial-ise.htm>. Acesso em: 15/12/2018.

IUDÍCIBUS, Sérgio de; MARTINS, Eliseu; GELBCKE, Ernesto Rubens; SANTOS, Ariovaldo dos. Manual de Contabilidade Societária. 2 ed., São Paulo: Atlas, 2013.

MACHADO, Márcio André Veras; MACEDO, Marcelo Alvaro da Silva; MACHADO, Márcia Reis. Análise da Relevância do Conteúdo Informacional da DVA no Mercado Brasileiro de Capitais. Revista Contabilidade & Finanças, – USP, São Paulo, v. 26, n. 67, p. 57-69, 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rcf/v26n67/pt_1519-7077-rcf-26-67-00057.pdf. Acesso em: 16 set. 2019.

MARION, José Carlos. Análise das Demonstrações Contábeis: Contabilidade Empresarial. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MARIN, Daiane. A Demonstração do Valor Adicionado em Empresas do Novo Mercado: uma análise da distribuição da riqueza aos agentes econômicos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Grau de Bacharel em Ciências Contábeis) - Universidade Caxias do Sul, Caxias do Sul, 2017. Disponível em: https://repositorio.ucs.br/xmlui/bitstream/handle/11338/3197/TCC%20Daiane%20Marin.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 28 mar. 2019.

MARQUES, Alessandra Vieira Cunha; SANTOS, Cassius Klay Silva; LEMES, Sirlei. Divulgação dos Relatórios Contábeis: um estudo da relevância das informações contábeis sobre ativos intangíveis. Anais do Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, p. 1-16, 13 set. 2014. Disponível em: http://www.anpad.org.br/admin/pdf/2014_EnANPAD_CON890.pdf. Acesso em: 16 set. 2019.

Marôco, João. Análise Estatística com o SPSS Statistics. 7. ed. Portugual: ReportNumber, 2018. Disponível em: https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&lr=&id=Ki5gDwAAQBAJ&oi=fnd&pg=PP1&dq=teste+parametrico+e+n%C3%A3o+param%C3%A9trico&ots=zMurqxGegH&sig=dJ0YzZUNKz_AuDuuxxeMt7zqjFs#v=onepage&q&f=true. Acesso em : 16/09/2019

MONTOTO, Eugenio. Contabilidade Geral e Avançada.5.ed. São Paulo: Saraiva, 2018.1561p. Disponível em: https://georgenunes.files.wordpress.com/2018/11/contabilidade-geral-e-avanc3a7ada-eugenio-montoto-2018.pdf. Acesso em: 10 jan.2019.

NUNES, Victor Malta; MIRANDA, Gilberto José. Geração e Distribuição do Valor Adicionado em 2013: análise das companhias listadas no IBrX-100, Revista Evidenciação Contábil e Finanças, v.4, n. 1, p. 18-32, jan/abr 2016.

OLIVEIRA, Ismael Alencar Fiuza de; COELHO, Antônio Carlos Dias. Impacto da divulgação obrigatória da DVA: Evidência em indicadores financeiros. Revista Evidenciação Contábil & Finanças, João Pessoa, v. 2, n. 3, p. 41-55, set/dez. 2014.

OLIVEIRA, Meiriele Silva; RECH, Ilirio José; CUNHA, Moisés Ferreira da. Relação Entre a Distribuição de Riqueza Apresentada na DVA e o IDH-M dos Municípios Sede de Empresas Abertas. In: Contabilidade e Controladoria no Século XXI, 2015, São Paulo. São Paulo: [s. n.], 2015. Disponível em: https://congressousp.fipecafi.org/anais/artigos152015/289.pdf. Acesso em: 14 fev. 2019.

QUINTANA, Alexandre Costa; MARTINS, Alex Sandro Rodrigues; JACQUES, Flávia Verônica Silva; MACHADO, Daiane Pias. O balanço social como um instrumento de informação para a sociedade: um estudo na Universidade Federal do Rio Grande. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 10, n. 19, p. 49-70, 2013. ISSN 2175-8069.

RODRIGUES, Jomar Miranda; ELIAS, Wanderson Gonçalves; CAMPOS, Edmilson Soares. Relevância da Informação Contábil: uma análise dos efeitos da contabilização dos gastos com pesquisa e desenvolvimento com a aplicação da Lei 11.638/07 no mercado brasileiro. XIV Congresso USP de Controladoria e Finanças, São Paulo, SP, Brasil, 21 jul. 2014. Disponível em: https://congressousp.fipecafi.org/anais/artigos142014/237.pdf. Acesso em: 16 set. 2019.

SANTOS, ALYNE ALVES; BOTINHA, REINER ALVES; LEMES, SIRLEI. Análise da Value Relevance da Demonstração do Valor Adcionado nos Níveis Diferenciados de Governança Corporativa da BM&FBOVESPA. Revista Catarinense da Ciência Contábil ISSN 2237-7662, Florianópolis, SC, v. 18, p. 1-16, 23 abr. 2019. Disponível em: file:///C:/Users/User/Downloads/2697-8345-3-PB%20(1).pdf. Acesso em: 16 set. 2019.

SILVA, A. C. R. Metodologia da pesquisa aplicada a contabilidade: orientações de estudos, projetos, artigos, relatórios, monografias, dissertações, teses. São Paulo: Atlas, 2003.

SILVA, Amanda Ferreira. Demonstração do Valor Adicionado: as empresas classificadas como mais sustentáveis evidenciam maior distribuição de riqueza à sociedade?. Uberlândia, junho 2017. Disponível em: http://repositorio.ufu.br/bitstream/123456789/19302/1/DemonstracaoValorAdicionado.pdf. Acesso em: 17 jan. 2019.

Publicado
2019-12-21
Métricas
  • Visualizações do Artigo 573
  • PDF downloads: 292
Seção
Artigos 2018