Editorial

Educação pela Vida

  • João José Borges Professor do curso de Comunicação Social - Jornalismo em Multimeios da UNEB, em Juazeiro.

Resumo

São tempos vividos em intensidade. A Educação atravessa o tenebroso momento. E atravessa. Encontra caminhos, tem seus agentes ansiosos e amedrontados, mas realizando suas construções em meio ao caos: pandemia, desgoverno, fake news. Soluções encontradas na arte, na corporeidade, nas redes sociais, nas plataformas digitais. A Educação Pública, esse triunfo histórico da humanidade, produto de lutas políticas de outros tempos, tão agonísticos como esse, encontra novos rumos, “arranja-se com o que tem”. Mãos que digitam frenéticas, interfaces que se desdobram na cultura digital, corpos através de telas, vigorando falas de lucidez e fraternidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-25
Métricas
  • Visualizações do Artigo 18
  • pdf downloads: 13
Seção
EDITORIAL