A POTENCIALIZAÇÃO DAS DESIGUALDADES EDUCACIONAIS NO CONTEXTO DA COVID-19

Palavras-chave: Desigualdades educacionais, Educação básica, Ensino Remoto, COVID-19

Resumo

O texto apresenta reflexões acerca da potencialização das desigualdades educacionais no contexto da pandemia provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), com base em uma experiência vivenciada durante o ano letivo de 2020, por uma professora da Educação Básica que atua na Rede Municipal de Ensino de Guanambi/BA. Trata-se de um relato de experiência que aborda a respeito dos enfrentamentos dos/as docentes, e, sobretudo, dos/as discentes, ao ensino remoto, que foi desenvolvido isento de uma política sensível às realidades de muitas famílias, resultando em processos de potencialização das desigualdades educacionais, uma vez que poucos/as estudantes tiveram condições de dar continuidade aos estudos. Diante disso, em prol de uma educação equitativa, enfatiza quanto à necessidade de um olhar atento às políticas segregacionistas e de se pensar uma educação que considere a realidade social, cultural e econômica do povo brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marinete da Frota Figueredo, outoranda em Educação pela Universidade de São Paulo - Brasil

Mestra em Educação pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Professora na Rede Municipal de Ensino de Guanambi. Integrante do Grupo de Pesquisas em Educação Física Escolar e do Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão Paulo Freire.

Dinalva de Jesus Santana Macêdo, Pós-doutoranda pelo Programa de Pós-graduação Profissional em História da África, da Diáspora e dos Povos Indígenas da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - Brasil

Doutora em Educação e Contemporaneidade pela Universidade do Estado da Bahia. Professora no Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia e na Universidade do Estado da Bahia. Coordenadora do Grupo de Estudos Educação e Relações Étnico-Raciais: saberes e práticas afro-brasileiras e quilombolas do Território de Identidade do Sertão Produtivo e do Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão Educacional Paulo Freire.

Referências

ARAÚJO, Jurandir de Almeida. Educação e desigualdade: a conjuntura atual do ensino público no Brasil. Revista Direitos Humanos e Democracia, n.3, p.125-157, jan./jun., 2014. Disponível em: https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/direitoshumanosedemocracia/article/view/2523. Acesso em: 15 abr. 2021.

ARROYO, Miguel. Políticas educacionais e desigualdades: à procura de novos significados. Educação e Sociedade, Campinas, v.31, n.113, p. 1381-1416, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/WGyPfcRb7yFJPmFsj5pSxPx/abstract/?lang=pt. Acesso em: 03 jun. 2021.

BEHAR, Patrícia Alejandra. O Ensino Remoto Emergencial e a Educação à Distância. UFRGS, 2020. Disponível em: https://www.ufrgs.br/coronavirus/base/artigo-o-ensino-remoto-emergencial-e-a-educacao-a-distancia/ Acesso em: 2 ago. 2020.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília: Presidência da República, [2016]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 26 mar. de 2022.

CAMACHO, Alessandra Conceição Leite Funchal et al. Alunos em vulnerabilidade social em disciplinas de educação à distância em tempos de COVID-19. Research, Society and Development, v.9, n.7, p.1-12, 2020. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/341389592_Alunos_em_vulnerabilidade_social_em_disciplinas_de_educacao_a_distancia_em_tempos_de_COVID-19. Acesso em: 28 mar. 2021.

CANDAU, Vera Maria Ferrão. Didática: tecendo/reinventando saberes e práticas. 1ª edição, Rio de Janeiro: 7 Letras, 2018. 317 p.

CASTRO, Sirlene Rodrigues Ferreira. A infoexclusão escancarada pela COVID-19 e as atitudes professorais na perspectiva da sociologia das ausências e emergências. Educitec - Revista de Estudos e Pesquisas sobre Ensino Tecnológico, Manaus, Brasil, v.6, n.e155020, p.1-15, 2020. Disponível em: https://sistemascmc.ifam.edu.br/educitec/index.php/educitec/article/view/1550. Acesso em: 15 abr. 2021.

FERREIRA, Suiane Costa. Apartheid Digital em Tempos de Educação Remota: atualizações do Racismo Brasileiro. Interfaces Científicas, Aracaju, v.10, n.1, p.11-24, 2020. Disponível em: https://periodicos.set.edu.br/educacao/article/view/9045. Acesso em: 18 abr. 2021.

FREITAS, Luiz Carlos de. A reforma empresarial na educação: nova direita, velhas ideias. Expressão Popular. São Paulo, 2018. 160 p.

GOMES, Nilma Lino. A questão racial e o novo coronavírus no Brasil. Trabalho e Justiça Social: Friedrich Ebert Stiftung. Junho, 2020, p. 1-11. Disponível em: https://library.fes.de/pdf-files/bueros/brasilien/16315.pdf. Acesso em: 08 abr. 2021.

LARROSA BONDÍA, Jorge. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação, n.19, p.20-28, 2002. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbedu/a/Ycc5QDzZKcYVspCNspZVDxC/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 26 mar.2022.

LAVAL, Christian. A escola não é uma empresa: neoliberalismo em ataque ao ensino público. São Paulo: Boitempo, 2019. 326 p.

MOREIRA, Antonio Flávio; SILVA, Tomaz Tadeu da. Currículo, Cultura e Sociedade. 12 Ed. São Paulo: Cortez, 2011. 173 p.

MUSSI, Ricardo Franklin de Freitas; FLORES, Fábio Fernandes; ALMEIDA, Claúdio Bispo de. Pressupostos para a elaboração de relato de experiência como conhecimento científico. Práxis Educacional, v.17, n.48, p.60-77, 2021. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/9010. Acesso em: 16 mar. 2022.

NEIRA, Marcos Garcia; NUNES, Mário Luiz Ferrari. Educação Física, Currículo e Cultura. São Paulo: Phorte, 2009. 288 p.

OLIVEIRA, Inês Barbosa. Políticas curriculares no contexto do golpe de 2016: debates atuais, embates e resistências. In: AGUIAR, Márcia Ângela da S.; DOURADO, Luiz Fernando. (Orgs.) A BNCC na contramão do PNE 2014-2024: avaliação e perspectivas. Recife: ANPAE, 2018. p.55-59. Disponível em: https://www.anpae.org.br/BibliotecaVirtual/4-Publicacoes/BNCC-VERSAO-FINAL.pdf. Acesso em: 20 jul. 2020.

PALÚ, Janete. A crise do capitalismo, a pandemia e a educação pública brasileira: reflexões e percepções. In: PALÚ, Janete; SCHÜTZ, Jenerton Arlan; MAYER, Leandro. Desafios da Educação em tempo de pandemia. Cruz Alta, 2020. p.87-106

PALÚ, Janete; PETRY, Oto João. Neoliberalismo, globalização e neoconservadorismo: cenários e ofensivas contra a Educação Básica pública brasileira. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v.15, p.1-21, 2020. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/15317. Acesso em: 14 maio. 2021.

REIS, Diogo dos. Pandemia e desigualdades raciais na educação brasileira: olhares crí(p)ticos. [Internet]. SciELO Preprints, p. 1-10, 2021. Disponível em: https://preprints.scielo.org/index.php/scielo/preprint/view/2711. Acesso em: 26 mar. 2022.

RIBEIRO JUNIOR, Manoel Cicero, et al. Ensino Remoto em Tempos de Covid-19: aplicações e dificuldades de acesso nos Estados do Piauí e Maranhão. Boletim de Conjuntura, v.3, n.9, p.107-126, 2020. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/66. Acesso em: 12 fev. 2021.

SANTOS, Boaventura de Souza. A cruel pedagogia do vírus. Coimbra, Almedina, 2020. 32 p.

SOUZA, Viviane. Números de estudantes brasileiros, pardos e indígenas sem atividade escolar durante a pandemia é quase o triplo que de brancos. GloboNews. 10 de setembro de 2020. Disponível em: https://g1.globo.com/educacao/noticia/2020/09/10/numero-de-estudantes-negros-pardos-e-indigenas-sem-atividade-escolar-durante-a-pandemia-equase-3-vezes-maior-que-de brancos.ghtml?fbclid=IwAR1_7QLfAvna9IyKxPdh447oR5cuoQMEWporWTblyZXJe5OVErhumS8mCM Acesso em: 15 set.2020.

TIC DOMICILIOS. Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nos Domicílios Brasileiros. Comitê Gestor da Internet no Brasil, São Paulo, 2020. 339 p. Disponível em http://www.cetic.br/. Acesso em: 19 jan. 2021.

Publicado
2022-07-04
Métricas
  • Visualizações do Artigo 72
  • ♪Áudio do resumo♪ downloads: 0
Como Citar
Figueredo, M. da F., & Macêdo, D. de J. S. (2022). A POTENCIALIZAÇÃO DAS DESIGUALDADES EDUCACIONAIS NO CONTEXTO DA COVID-19. Cenas Educacionais, 5, e12198. Recuperado de https://www.revistas.uneb.br/index.php/cenaseducacionais/article/view/12198
Seção
Relato de Experiência