Estágio Supervisionado como espaço de aprendizagem na licenciatura em Matemática

Palavras-chave: Estágio. Formação de professores. Identidade docente.

Resumo

Este artigo integra uma pesquisa de mestrado e objetiva investigar as expectativas de futuros professores de matemática em relação ao estágio supervisionado. Entendido como tempo de ensino e aprendizagem da docência, ao inserir os futuros professores nas escolas, o estágio é uma oportunidade para que conheçam de perto a realidade escolar, sendo também um momento de preparação para possíveis situações que enfrentarão durante a docência. Esta é uma pesquisa de abordagem qualitativa, com os dados obtidos de forma remota, devido a pandemia da Covid-19, por meio de uma entrevista semiestruturada, realizada com vinte alunos do último ano de um curso de licenciatura em matemática de uma Universidade Pública do Nordeste Brasileiro. Os resultados da análise dos dados evidenciam que o estágio supervisionado contribui para a construção da identidade docente dos futuros professores de matemática ao permitir o aperfeiçoamento de suas práticas pedagógicas, enfrentando alguns dos desafios que possam surgir no exercício da docência e fortalecendo sua postura profissional.

Palavras-chave: Estágio. Formação de professores. Identidade docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pedro Lúcio Barboza, Universidade Estadual da Paraíba

Universidade Estadual da Paraíba – UEPB. Doutor em Ensino, Filosofia e História da Educação – UFBA.

Referências

BARBOSA, D. E. F. B.; BARBOZA, P. L. Os primeiros anos de docência do professor de matemática. Revista Eletrônica de Educação Matemática - REVEMAT, Florianopólis, v. 15, p.01-18, 2020. ISNN 1981-1322. https://doi.org/10.5007/1981-1322.2020.e73218

BARBOSA, D. E. F. B.; BARBOZA, P. L. Como professores iniciantes percebem o que fazem na sala de aula de matemática. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v.21, n.2, pp. 335-352, 2019. http://dx.doi.org/10.23925/1983-3156.2018v21i2p335-352

BARBOSA, C. P; LOPES, C. E. Um estudo sobre a identidade profissional de futuros professores de Matemática no Estágio Curricular Supervisionado. Educação Matemática Debate, Montes Claros (MG), Brasil, v. 4, e202035, p. 1-26, 2020. eISSN 2526-6136. http://dx.doi.org/10.46551/emd.e202035

COSTA, A. P.; OLIVEIRA, A.D.S. Processos de ensino e aprendizagem em Matemática na Educação Básica: a perspectiva das aulas como experiência formativa no estágio supervisionado. Boletim online de Educação Matemática, Florianópolis, v. 8, n. 16, p. 13-31, dezembro/2020. ISSN 2357-724X. https://doi.org/10.5965/2357724X08162020013

DAUANNY, E.B. Estágios, identidade e formação do professor de matemática em tempos de mudanças. Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Matemática - RBECM, Passo Fundo, v. 3, n. 3, p. 843-867, ed. espec. 2020. https://doi.org/10.5335/rbecm.v3i3.11832

FIORENTINI, D. A formação matemática e didático-pedagógica nas disciplinas da Licenciatura em Matemática. Revista de Educação PUC-Campinas, n. 18, p.107-115, jun.2005.

FARIA, R. W. S. C. et al. Estágio curricular supervisionado de Matemática no contexto da pandemia da Covid-19. Revista Pesquisa e Ensino, Barreiras (BA), Brasil, v. 2, e202125, p. 1-27, 2021. DOI:10.37853/pqe.e202125

PAULA, E.F; CYRINO, M.C.C.T. Perspectivas de identidade profissional de professores que ensinam matemática presentes em artigos científicos publicados entre 2006-2016. Acta Scientiae, Canoas, v.20, n.5, p. 778-799, set./out. 2018, https://doi.org/10.17648/acta.scientiae.v20iss5id4151.

PAULA, E.F; CYRINO, M.C.C.T. Identidade profissional de professores que ensinam matemática: panorama de pesquisas brasileiras entre 2001 – 2012. Zetetiké, Campinas, SP, v.25, n1, jan./abr.2017, p. 27-45, ISNN 2176-1744. http://dx.doi.org/10.20396/zet.v25il.8647553

GARNICA, A.V.M. Algumas notas sobre Pesquisa Qualitativa e Fenomenologia. Interface — Comunicação, Saúde, Educação, v.1, n.1, Botucatu ago. 1997. ISSN 1807-5762. https://doi.org/10.1590/S1414-32831997000200008

LIMA, A. C. S.; BARBOZA, P. L. Estágio Supervisionado em Matemática: algumas reflexões. In: MELO, R.G; FREITAS; P.G (Orgs). Saberes, experiências e práticas na educação contemporânea. 1 ed. Rio de Janeiro: e-Publicar, 2020, v.1, p. 220-228. Disponível em: https://www.editorapublicar.com.br/post-ebook-10. Acesso em 28/02/2021.

LIMA, K.S; KEGLER, N. A.; BROCH, S.C. Vivências de estágio de formação no ensino fundamental. Educação Matemática em Revista, Brasília, v.24. n.62, p. 166-177, abr./jun. 2019. ISSN 2317-904X. Disponível em: http://sbem.iuri0094.hospedagemdesites.ws/revista/index.php/emr/article/view/1604/pdf.

LIMA, M. S. L. Estágio e aprendizagem da profissão docente. Brasília; Liber Livro, 2012.

LORENZATO, S. Para aprender matemática. 3 ed. rev. Campinas, SP: Autores Associados, 2010.

PIMENTA, S. G. O estágio na formação de Professores: Unidade teoria e prática. 9 ed. São Paulo: Cortez, 2010.

PIMENTA, S. G; LIMA, M. S. L. Estágio e docência. 7 ed. São Paulo: Cortez, 2012.

SARMENTO, A. K. C. Práticas docentes universitárias e a formação de professores de matemática. Educação Matemática em Revista, Brasília, v.25, n. 67, p.21-38, abr./jun.2020. ISNN 2317-904X.

SOUSA, A. P.; ALBUQUERQUE, J. V.; ALVES, L. F. B. O estágio supervisionado no curso de licenciatura em matemática: vivências de alunos e professores. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 12, 2016, São Paulo, Anais... São Paulo: SBEM, 2016, p. 01-12.

SILVA, A. J. N. “Prática” e “Estágio Supervisionado” na formação de professores: o que revela um curso de Licenciatura em Matemática da UNEB? Revista de Educação Matemática, São Paulo, SP, v. 17, 2020, p. 1 – 19 – e020034. eISSN: 2526-9062 https://doi.org/10.37001/remat25269062v17id390

SILVA, M. M; CEDRO, W, L. Estágio Supervisionado e Planejamento Compartilhado: Possibilidades da Organização do Ensino de Professores de Matemática em Formação. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v.17, n.2, pp.190-215, 2015.

SILVA, U. D; OLIVEIRA, A.T.C.C. Influências do Estágio Supervisionado para Professores de Matemática em Início de Carreira - buscando compreender escolhas e características das escolas-campo. Revista Baiana de Educação Matemática, v. 02, n. 01, p. 01-25, e202101, jan./dez., 2021. e-ISSN 2675-5246. https://doi.org/10.47207/rbem.v2i01.10252

SILVA, S. A. F; VASCONCELOS, P. B. M; PAIVA, M. A. V. Estágio supervisionado: uma experiência de aprendizagens docentes na formação do futuro professor de matemática. IN: LOPES, C. E; TRALDI, E. FERREIRA, A. C. (Orgs). O estágio na formação inicial do professor que ensina matemática. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2015.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 17.ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

TEIXEIRA, B. R.; CYRINO, M.C.C.T. O estágio de observação e o desenvolvimento da identidade profissional docente de professores de matemática em formação inicial. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v.16, n.2, pp. 599-622, 2014.

TEIXEIRA, B.R; CYRINO, M. C. C. T. Desenvolvimento da Identidade Profissional de Futuros Professores de Matemática no Âmbito da Orientação de Estágio. Bolema, Rio Claro (SP), v. 29, n. 52, p. 658-680, ago. 2015a. ISSN 1980-4415. http://dx.doi.org/10.1590/1980-4415v29n52a12

TEIXEIRA, B. R.; CYRINO, M. C. C. T. O Estágio de Regência como Contexto para o Desenvolvimento da Identidade Profissional Docente de Futuros Professores de Matemática. ALEXANDRIA Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 8, nº 3, p. 131-149, novembro. 2015b ISSN 1982-5153. http://dx.doi.org/10.5007/1982-5153.2015v8n3p131

VALÉRIO, B. C. Formação inicial de professores: propiciando conexões significativas por meio de projetos de estágio. Revista de Educação Matemática, São Paulo, SP, v. 17, 2020, p. 1-15 – e020053. eISSN: 2526-9062. http://doi.org/10.37001/remat25269062v17id460

VOLKMAN, E.; PEREIRA, A. L.; LUCCAS, S. Aprendendo a ensinar na formação inicial de professores de matemática: uma análise das concepções discentes. Educação Matemática. Pesquisa, São Paulo, v.21, n.2, 353-378, 2019. http://dx.doi.org/10.23925/1983-3156.2018v21i2p353-378

Publicado
2021-12-07
Métricas
  • Visualizações do Artigo 165
  • PDF (PORTUGUÊS) downloads: 90
Como Citar
Lima, A. C. de S., & Barboza, P. L. (2021). Estágio Supervisionado como espaço de aprendizagem na licenciatura em Matemática. Revista Baiana De Educação Matemática, 2(01), e202123. https://doi.org/10.47207/rbem.v2i01.12017
Seção
Dossiê Temático - O Estágio Curricular Supervisionado em Matemática