Homem e sociedade - do pós-crítica à cultura: entendendo a violência impressa contra os LGBTQI+

Renato Silveira

Resumo


Resumo: O presente artigo propõe-se o estudo sob o viés do método crítico cultural, o homem e sua rela-ção com a comunidade LGBTQI+ associados à violên-cia nos periódicos impressos (Zero Hora - RS, A Tarde e Correio da Bahia – BA) focando o comportamento social para entender e até mesmo quebrar os para-digmas culturais. Como fundamento de uma teoria discursiva de leitura sobre a violência no mundo dos periódicos, nos pautamos nas investigações do cam-po das ciências sociais e como estratégica se utilizou autores que respaldam a crítica cultural: Deleuze & Guatarri (1995), Eagleton (2005), Agamben (2005), Derrida (2001), Foucault (1988), Felix (2005), Preciado (2014), Buttler (2003), indicando a praxiologia do re-ferido tema. As leituras em conjunto com as produ-ções bibliográficas positivaram a cultura das margens viabilizando a difusão da linguagem escrita facilitan-do a compreensão das identidades de gênero e se-xualidade.

Palavras-chave: LGBTQI+. Periódicos. Rede cultural.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Grau Zero - Revista de Crítica Cultural
(Organizada pelo PÓS-CRÍTICA)

Publicação Semestral

ISSN 2318-7085

 

INDEXADORES

 

 

 


FOMENTO/FINANCIAMENTO