UM ESTUDO DE CASO SOBRE ÍNDICE DE REPROVAÇÕESO NO 3 ANO DO ENSINO MÉDIO DO COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR-DENDEZEIROS

ISADORA SANTOS PORTELA, MARIA DA CONCEIÇÃO NASCIMENTO MARQUES

Resumo


O terceiro ano do Ensino Médio é o último do ciclo final da Educação Básica, que inclui os níveis fundamental e médio, é uma revisão dos conteúdos apreendidos e neste mesmo ano os estudantes decidem as carreiras profissionais para exercerem futuramente. Os discentes da rede estadual do Colégio da Polícia Militar – Unidade Dendezeiros, enfrentam muitas reprovações no 3º ano, principalmente nas disciplinas de Ciências da Natureza. Havia um número alto de reprovação em vários anos seguidos, até que em2017 ocorreu uma queda nos índices que ficou em torno de 25 % d e estudantes reprovados, este dado foi fornecido pela Unidade de Desenvolvimento Educacional (UDE), setor responsável por matrículas e estatística s do desempenho docente. O objetivo geral da pesquisa é compreender o motivo que leva a uma alta taxa de reprovação n o ano final da Educação Básica e especificamente identificar as causas que levam esses estudantes a terem mais dificuldades com a área de Ciências da Natureza, bem como explicar o que levou o ano de 20 17 a ser o de menor reprovação, pedagogicamente encontrar novas estratégias de estudo para que os a nos anteriores façam preparação também com o objetivo de alcançar êxito da aprovação no 3º ano. A metodologia aplicada para essa pesquisa foi um estudo de caso, onde percebe-se a singularidade do fenômeno observado, daí foram aplicados questionários qualitativos e quantitativos com perguntas direcionadas aos estudantes que foram reprovados em 2017, assim como os coordenadores pedagógicos e professores da área de Ciências da Natureza do 3º ano, nos quais apresentaram seus respectivos pontos de vista sobre a problemática investigada. Uma das observações a ser feita que se destacou na pesquisa é a pressão psicológica que os estudantes sofrem por representarem os discentes mais antigos do colégio e terem que decidir sobre os rumos acadêmicos e profissionais. Os estudantes relacionam alguns motivos que atrapalham o desenvolvimento do aprendizado, entre eles os problemas pessoais que são levados para sala de aula e a sobrecarga de assuntos em um curto espaço de tempo, fator de pressão e de desgaste físico e emocional, que leva ao abandono e a reprovação. A instituição escolar, junto à família, precisa observar e reavaliar novas estratégias de ensino, com metodologias pedagógicas que se adequem a esta realidade para que a reprovação não continue alta no último ano do Ensino Médio. Esta pesquisa integra as ações do Grupo de Geotecnologias, Educação e Contemporaneidade (GEOTEC) da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), em parceria com o Colégio da Polícia Militar da Bahia(CPM), que busca através da pesquisa científica trazer novos horizontes e olhares para processos de aprendizagem na educação básica, pois potencializa a curiosidade, a criatividade e o desejo do discente em aprender e investigar objetos de pesquisa referentes ao lugar em que se encontram neste ciclo escolar.

Palavras-chave


Educação; Reprovação; Ensino Médio; Ciências da Natureza

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 ISADORA SANTOS PORTELA, MARIA DA CONCEIÇÃO NASCIMENTO MARQUES


 

Universidade do Estado da Bahia – UNEB – Campus I
Rua Silveira Martins, 2555, Cabula – Salvador-BA
CEP 41.150-000
Prédio da Pós-Graduação em Educação – GEOTEC

 
ISSN: 2674-7227

PERIODICIDADE: Bienal

INDEXADORES E DIRETÓRIOS: 


Todo o conteúdo publicado nestes Anais está licenciado com uma Licença Creative Commons - Attribution-ShareAlike 4.0 International.